A alimentação pós treino levanta muitas dúvidas inclusive de quem já treina a muito tempo. É normal bater aquela fome após exercícios, não importa a modalidade que você pratica, e o alimento errado pode colocar todo o esforço realizado por água abaixo.

Durante os exercícios físicos o corpo perde muita água e potássio, essa perda faz com que a vontade de consumir produtos salgados aumente o que é perigoso escapar em salgados industrializados ou frituras. O consumo de banana ajuda na reposição de potássio e também suplementos que são repositores de nutrientes perdidos nos exercícios.   

Os 30 minutos após os exercícios é o melhor momento para alimentação pós treino, é quando os músculos absorvem tudo o que for consumido. Para quem busca emagrecimento existe o maior perigo em consumir alimentos que não são corretos por isso é importante não consumir qualquer coisa, o seu organismo funciona como uma esponja após treinos. Para os que fazem uso de suplementos é ideal o consumo de waxy maize e dextrose com whey protein.

Sucos e chás gelados sem açúcar são boas alternativas pois hidratam, matam a vontade de doces e não são agressivos como produtos a base de açúcares.  Dê preferência ao consumo de alimentos ricos em proteínas como carnes, peixes, iogurtes e alimentos funcionais como quinoa e aveia.

Alimentação pós treino: o que não consumir

As barrinhas de ceral podem enganar, pela facilidade de transporte e consumo muitos utilizam como alimentação pós treino, não prestando atenção em sua composição. As barrinhas industrializadas são ricas em açúcar, desacelerando o metabolismo e podendo causar o aumento de peso. Indicamos sempre prestar atenção na tabela nutricional e ingredientes de alimentos industrializados já que muitos escondem ingredientes que não são indicados para quem busca vida saudável e melhora no físico.

 Caso o seu pós treino coincida com refeições, o indicado são lanches naturais, combinando proteínas e carboidratos, os carboidratos são importantes para a manutenção e reposição de energia, omeletes e frutas, sempre dando preferência a alimentos ricos em proteínas.

Agora não tem mais desculpa para não se alimentar corretamente após os treinos. Fique ligado nas receitas do blog da SaúdeJá.